René Descartes – Quem foi? História resumida e Obras

Francês nascido no ano de 1596, René Descartes foi um dos dos filósofos e matemáticos mais importantes que já existiu para toda a ciência moderna e pensamento científico e filosófico.

Viveu durante a Idade Moderna e pertenceu à ordem de pensadores da época que deu início e uma origem fundamentada à era da ciência, sendo muitas vezes chamado de fundador da filosofia moderna e pai da matemática moderna.

Seus conhecimentos contribuíram para o pensamento científico e matemático moderno através da filosofia e de novos conceitos como a fusão da álgebra com a geometria , dando origem ao que hoje usamos como o sistema cartesiano de coordenadas espaciais.

Biografia Resumida

Descartes nasceu na antiga França no dia 31 de março de 1596. Viveu em uma vila a pouco menos de 300 quilômetros da capital Paris. Sua infância foi complicada com a morte da mãe quando tinha um ano de idade. Viveu praticamente em uma escola de jesuítas onde iniciou seus estudos, sua admiração pelo conhecimento e o questionamento daquilo que se aprende.

Permaneceu ali enquanto terminava seus estudos básicos e, quando estava na adolescência, partiu para a cidade de Poitiers onde cursou direito na Universidade de Poitiers. Apesar da formação o filósofo nunca mais exerceria o direito.

Em seguida, sem um rumo específico com seus pouco mais de 20 anos de idade, René seguiu em direção a uma carreira militar no exército Holandês, onde ficou pouco tempo. Segundo ele uma carreira militar não era de serventia pois se via como um observador passivo da guerra e não alguém que participa dela.

Deixando a carreira militar que nunca desenvolveu, Descartes passa a viajar a Europa e percorre diversos países dentre eles a Alemanha, Polônia, Dinamarca, Holanda, retornando novamente à França perto do ano de 1622, onde permaneceu em Paris por algum tempo.

A partir daí sua experiência como um pensador filosófico e científico começa a se aprimorar. Descartes passa a escrever livros e postulados a respeito das suas teorias e visões de mundo.

Principais conquistas e contribuições ao mundo

Acompanhe a seguir as conquistas de René Descartes ao longo dos anos em que seus estudos e sua contribuição para o universo da ciência e filosofia se desenvolveu:

  • 1628: O ano marca sua composição de estudo sobre o espírito em uma das obras mais ligadas ao relacionamento do pensamento racional e da teologia. Viaja novamente para a região dos Países Baixos onde começa mais uma obra, agora ligada à física, em que começa a abordagem heliocentrista do universo. Infelizmente graças à ignorância da Igreja Católica e a perseguição ao pensamento científico que contrapunha a visão divina do universo, René abandonou os planos de publicação da obra para não ser perseguido.
  • 1635: Nasce sua primeira filha;
  • 1637: Descartes publica os três pequenos tratados científicos que posteriormente o deixariam famoso pelo “Discurso sobre o método”, localizado não na obra mas no prefácio dos tratados;
  • 1641: A primeira obra de real importância de seu repertório surgiu com o título de “Meditações sobre a Filosofia Primeira”, onde o autor explorou conceitos de filosofia e metafísica, além dos seis primeiros conjuntos de “Objeções e Respostas” onde contrapunha e confrontava o pensamento de outros filósofos e teólogos da época. Esse é um ano sombrio para René que perde sua filha com 5 anos de idade;
  • 1642: Traz uma nova edição da Meditação sobre a Filosofia Primeira e mais um conjunto de Objeções para dois autores diferentes;
  • 1643: O ano começa com a condenação do cartesianismo pela Universidade de Utrech que tinha contraposições a teoria do filósofo. Apesar disso René não se sente impedido e publica outra de suas mais renomadas obras de pensamento filosófico, “Os Princípios da Filosofia” que resume, em sua concepção, os conceitos que formam a ciência como uma base. Foi próximo a essa data que René voltou rapidamente à sua terra natal, a França, onde comentou pela primeira vez a respeito da teoria do éter, que seria a substância que preenche o espaço vazio do universo e permite o movimento dos corpos celestes, assim como a propagação da luz do Sol à Terra.
  • 1647: Reconhecido pelos seus ensinamentos Descartes é recompensado pelo Rei da França com uma pensão para que possa prosseguir seus estudos anatômicos, estudos que desenvolvia ao longo do tempo enquanto estudava outros assuntos. O ano traz o início das obras “Descrição do Corpo Humano”, “Conversa com Burman” e “Tratado das Paixões”, o último dedicado a amiga próxima Isabel da Boêmia.
  • 1650: René Descartes morre de pneumonia com 53 anos.

Gilmar Penter

Fotógrafo, ator e comunicador é apaixonado pelas artes e pela aventura que é a vida. Nas palavras, vê uma chance de mudar o mundo, mesmo que para isso tenha que vir até ele, afinal, passa muito mais tempo no mundo da lua.

Conheça Mais Sobre o Autor

Deixe seu Comentário

WebGo Content