Biografia de Pablo Picasso – Resumo da Vida, Obra e Características

Pablo Picasso foi um artista espanhol considerado o grande representante do Cubismo, sendo ele um dos principais artistas do Movimento Modernista. Dessa forma, foi uma figura revolucionária e de grande importância para a História da Arte.

Com a sua técnica em diversos campos da arte, Picasso produziu múltiplas obras ao longo de sua vida. É reconhecido mundialmente como um dos mais relevantes artistas plásticos do século XX.

Biografia de Pablo Picasso

Pablo Picasso nasceu na cidade espanhola de Málaga, na região de Andaluzia,no dia 25 de outubro de 1881. Era filho do professor de desenho José Ruiz Blasco, com quem aprendeu suas primeiras lições de arte, e de Maria Picasso y López. Começou sua produção aos 8 anos e, ainda na sua adolescência, foi considerado um menino prodígio na Escola de Arte de Barcelona.

Em 1896 muda-se com sua família para Barcelona, onde seu pai acaba alugando um estúdio para ele. Ainda em 1896, sua tela “Primeira Comunhão” é aceita pela Exposição Municipal de Barcelona.

Em 1897 Pablo Picasso ingressou na Academia Real de San Fernando, em Madrid, mas logo rejeitou as formas tradicionais da escola e voltou para Barcelona.

Em 1900, com apenas 19 anos de idade, Picasso se mudou para Paris onde pintou sobre diversos temas não considerados poéticos em sua época, representando mendigos e classes marginalizadas da sociedade. Também foi nesse período em que ele teve contado com muito artistas vanguardistas, como Guillame Apollinarie, responsável pelo primeiro manifesto da Literatura Cubista.

Fase Rosa e Azul

Assim, Picasso começou a buscar mais influências para desenvolver seu estilo artístico. Entre os anos de 1901 e 1904,começa sua “Fase Azul”, desenvolvendo uma pintura com predominância de tons azuis e com uma abordagem de temática social sobre as classes mais baixas. Esses tons de azul serviam para representar a melancolia, a solidão, a pobreza e o sofrimento humano.

Após esse período, inicia sua “Fase Rosa”, caracterizada por ser uma pintura mais luminosa e com tons de rosa. Nesse momento, Picasso representa com uma conotação lírica figuras do circo, como arlequins e saltimbancos.

A partir de 1906, influenciado pela as máscaras ritualísticas dos povos africanos e dos povos da Oceania e, com a ajuda do artista francês Paul Cézanne, considerado percussor da Arte Cubista, passa a abordar e utilizar em suas produções o rigor da deformação geométrica. Além disso, passou a reproduzir em suas obras uma simultaneidade de pontos de vista a partir da fragmentação da realidade que, mesmo com uma decomposição, conseguia apresentar uma identidade da figura representada.

Fase Cubista e Surrealista

Durante o período da Primeira Guerra Mundial, Picasso permanece na França. Em 1915, ele perde sua companheira Eva Gouel com quem estava desde 1911.Com essa perda, sua pintura demonstra tons mais sombrios.

A partir disso, sua obra também passa por diversas variações de estilos, na década de 30, por exemplo, o artista produz obras com características cubistas, neoclássicas e surrealistas, além de fazer diversas releituras de obras de artistas renomados.

Em 1937, Picasso realiza Guernica, como forma de representação do bombardeiro da cidade de Guernica durante a Guerra Civil Espanhola, considerada uma de suas obras mais famosa, sendo esta uma forma de apelo internacional à paz e denuncia sobre os prejuízos das guerras.

Ao longo de sua grande e longa carreira nas artes plásticas, Pablo Picasso produziu inúmeras obras de pintura, gravura, escultura, cerâmica, etc. Além disso, foi casado diversas vezes e, muitas vezes, seus relacionamento ligavam-se com suas produções a partir de representações e retratos de suas companheiras. Pablo Picasso faleceu aos 91 anos em Notre-Dame-de Vie, em Mougins, na França, no dia 8 de abril de 1973.

Principais obras de Pablo Picasso

Picasso é um artista com uma imensidade de obras produzidas, sendo só na parte de telas mais de mil. Abaixo, estão os nomes de seus trabalhos mais famosos.

  • O Picador (1889)

O Picador (1889) - Pablo Picasso

  • Autorretrato (1901)
    Autorretrato (1901) - Pablo Picasso
  • O quarto azul (1901)
    O quarto azul (1901) - Pablo Picasso
  • Velho judeu e um menino (1903)
    Velho judeu e um menino (1903) - Pablo Picasso
  • Café da manhã de um homem cego (1903)
    Café da manhã de um homem cego (1903) - Pablo Picasso
  • A Engomadeira (1904)
    A Engomadeira (1904) - Pablo Picasso
  • A família acrobata (1905)
    A família acrobata (1905) - Picasso
  • A família de saltimbancos (1905)
    A família de saltimbancos (1905) - Pablo Picasso
  • As Senhoritas de Avignon (1907)
    As Senhoritas de Avignon (1907) - Pablo Picasso
  • Duas mulheres sentadas (1907)
    Duas mulheres sentadas (1907) - Pablo Picasso
  • Vaso de flores (1910)
    Vaso de flores (1910) - Pablo Picasso
  • Violinos e uvas (1912)
    Violinos e uvas (1912) - Pablo Picasso
  • Arlequim de Barcelona (1917)
    Arlequim de Barcelona (1917) - Pablo Picasso
  • As Três Dançarinas (1925)
    As Três Dançarinas (1925) - Pablo Picasso
  • Busto de uma mulher (Marie-Thérèse) (1931)
    Busto de uma mulher (Marie-Thérèse) (1931) - Pablo Picasso
  • Mulher no espelho (1932)
    Mulher no espelho (1932) - Pablo Picasso
  • Retrato de Dora Maar
    Retrato de Dora Maar - Pablo Picasso
  • Guernica (1937)
    Guernica (1937) - Pablo Picasso
  • A mulher que chora (1937)
    A mulher que chora (1937) - Pablo Picasso
  • Cabeça de mulher – Dora Maar (1941)
    Cabeça de mulher - Dora Maar (1941) - Pablo Picasso
  • Cabeça de Touro (1942)
    Cabeça de Touro (1942) - Pablo Picasso
  • Torso de Mulher (1953)
    Torso de Mulher (1953) - Picasso
  • Dom Quixote (1955)
    Dom Quixote (1955) - Pablo Picasso
  • Retrato de Jacqueline(1961)
    Retrato de Jacqueline(1961) - Pablo Picasso

Confira as demais obras de Pablo Picasso no Google Arts & Culture.

Curiosidades

  • Ao nascer, Picasso foi batizado com um longo nome: Pablo Diego José Francisco de Paulo Juan Nepomuceno Maria de Los Remedios Críspin Crispiano Santíssima Trinidad Ruiz y Picasso.
  • Picasso assinou 13500 telas, 100 mil gravuras, 34 mil ilustrações em livros e 300 esculturas, ao longo dos seus mais de 80 anos de carreira.

Conheça também a história de vida de escritores famosos:

Deixe seu comentário sobre a vida e obra de Pablo Picasso.

Rafaela Trevisan Cortes

Rafaela Trevisan Cortes, jornalista formada pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR). Revoltada por natureza, vê na comunicação uma oportunidade de extravasar a sua paixão por curiosidades, arte e conhecimento.

Conheça Mais Sobre o Autor

Deixe seu Comentário

WebGo Content