Van Gogh – Biografia Resumida, Características, Principais Fatos e História

Vincent Willem van Gogh foi um pintor holandês de maior representatividade na era pós-impressionista. Tinha um estilo único com bastante influência dos artistas impressionistas.

Vincent Van Gogh

Durante sua vida, vendeu um único quadro. Após sua morte, mais de 700 quadros encontravam-se amontoados no sótão.

Pintou muitas obras e muitas delas ganharam o mundo como o Autorretrato (1887) e o Retrato de Père Tanguy (1887-1888).

Conheça mais sobre a história de Van Gogh, suas características, obras e sua biografia resumida!

Biografia de Van Gogh – Infância e vida antes da pintura

Nasceu em 30 de março de 1853, em uma pequena aldeia holandesa.

Vincent Willem van Gogh era filho de um pastor calvinista. Sua infância não foi fácil, ainda mais porque era uma criança rebelde e insociável.

Quando completou 16 anos, em 1869, foi mandado para um internato provinciano. Nesse mesmo ano começou a trabalhar em uma sucursal da Galeria Goupil do seu tio em Haia. Lá ele comercializou obras de arte e livros.

Trabalhou para o grupo Goupil até os 22 anos, quando foi mandado embora. Durante essa época e a serviço da galeria, morou em Bruxelas, Londres e Paris.

Van Gogh mudou-se para Inglaterra para dar aulas em uma escola primária. Em dezembro de 1876 vai para Etten encontrar-se com sua família, mas esse encontro não vai nada bem. A única pessoa que o acolhe é Theo, seu irmão mais novo. Inclusive é quem o ajudará financeiramente no futuro.

Devido as frustrações que viveu, acaba tornando-se depressivo. Inclusive, viveu toda sua vida na solidão, com Theo sendo seu único laço fraternal.

No ano seguinte, em 1877, começa a trabalhar em uma livraria em Dordrecht. Mas, resolve ingressar no Seminário Teológico da Universidade de Amsterdã para seguir os passos de seu pai.

Van Gogh consegue uma vaga de pregador missionário nas minas de carvão de Borinage, na Bélgica. Mas, essa missão fez com que ele visse a miséria que a população vivia.

Nesse período ele acabou vivendo uma grande crise espiritual, que o fez perder toda a fé. Em 1879, é demitido.

Sua vida artística começa após essa fase.

Vida artística de Van Gogh

Seu contato com a arte começou cedo, aos 16 anos. Mas, foi em 1880 que ele passou a estudar sobre anatomia e perspectiva – pontos que influenciaram consideravelmente em suas obras.

Nesse período, quem o ajudava a se manter foi seu irmão Theo. Um ano depois volta para Haia e é acolhido por um pintor, chamado Mauve.

Van Gogh passa a ter contato com aquarelas e começa a pintar marinheiros, pescadores e camponeses.

Passa a fazer pinturas a óleo e, em 1882 volta para a casa dos pais.

Em março de 1885, seu pai falece e um mês depois Vincent pinta um dos seus quadros mais famosos, “Os Comedores de Batata”.

Os Comedores de Batata van gogh

No início do ano seguinte, em 1886, passa um período em Antuérpia e, um mês depois vai viver em Paris com seu irmão Theo.

Durante essa época, passa a se familiarizar e estudar os pintores impressionistas, como Monet, Renoir e Pissarro. Posteriormente, cria laços de amizade com Gauguin.

Apaixona-se pela arte oriental e, juntamente com a influência impressionista, Van Gogh passa a ter seu próprio estilo de pintura, bem diferente do quadro “Os Comedores de Batata”. A pincelada ganha mais espaço e as cores tornam-se mais fortes e bem definidas.

Fim da vida de Van Gogh

Em 1888, Van Gogh está com a saúde debilitada e vai viver no campo em Arles. Nessa época pintou mais de 100 quadros, alguns dos mais importantes de sua carreira.

Passou um tempo com o amigo Gauguin e, após uma briga com o amigo, Van Gogh corta um pedaço da própria orelha.

Em 1889, ainda mais debilitado, pede para seu irmão interná-lo no Hospital de Saint-Rémy-de-Provence e lá produz mais de duzentas obras. Recebe a visita de um pintor amigo de seu irmão, chamado Signac.

Posteriormente, Signac realiza uma exposição com as obras de Van Gogh, mas apenas um quadro é vendido, A Vinha Vermelha (1888) – inclusive, foi o único vendido durante a vida de Van Gogh.

A Vinha Vermelha van gogh

Em 1890, deixa o hospital e vai para Auvers, com o Dr. Gachet. Nessa época, já no final da vida, faz mais de 200 desenhos e 40 quadros.

Van Gogh tentou suicídio em 27 de julho de 1890, com um tiro no peito, em Auvers na França. Contudo, veio a falecer do ferimento no dia 29.

Lista de obras

Oliveiras com Sol Amarelo - Van Gogh

Em vida, pintou mais de 700 quadros e milhares de desenhos. Veja alguns mais famosos:

✅ A Igreja em Nuenen (1884),

✅ Os Comedores de Batata (1885),

✅ A Casa Paroquial de Nuenen (1885),

✅ Caveira com Cigarro Aceso (1886),

✅ Guinguette de Montmartre (1886),

✅ A Italiana (1887),

✅ A Ponte Debaixo da Chuva (1887),

✅ Natureza Morta com Absinto (1887),

✅ Dois Girassóis Cortados (1887),

✅ Auto-Retrato com Chapéu de Palha (1887),

✅ Pai Tanguy (1887-1888),

✅ Autorretrato Dedicado a Gauguin, (1888),

✅ Terraço do Café na Praça do Fórum, (1888),

✅ A Casa Amarela (1888)

A Casa Amarela - Van Gogh

✅ Barcos de Saintes-Maries (1888),

✅ O Velho Moinho (1888),

✅ La Mousmé (1888),

✅ A Vinha Vermelha (1888),

✅ Girassóis (1888),

✅ O Quarto em Arles (1889),

✅ Noite Estrelada, (1889)

Noite Estrelada - Van Gogh

✅ Autorretrato com Orelha Cortada (1888),

✅ Oliveiras (1889),

✅ Os Ciprestes, (1889),

✅ A Sesta (1890),

✅ A Ronda dos Prisioneiros (1890),

✅ Amendoeiras (1890),

✅ A Igreja de Auvers (1890),

✅ Trigal com Corvos (1890),

✅ Retrato de Dr. Gachet (1890).

Patrícia Fischer

Conheça Mais Sobre o Autor

Deixe seu Comentário

WebGo Content